A Cofibam conquista a Antártida

A Antártida é formada por uma área de 14 milhões de quilômetros quadrados que rodeia o Pólo Sul, está cercada pelo Oceano Antártico e localizada entre o Oceano Pacífico e o Atlântico.

Devido ao frio intenso e as baixas temperaturas, a região está permanentemente coberta pelo gelo e possui condições desfavoráveis para quase todo meio de vida, exceto para pingüins, focas, baleias e outros animais.

O continente gelado conheceu os seus primeiros exploradores somente no ano de 1912 e o mapeamento do relevo foi feito por fotografias aéreas, única forma possível para atravessar o gelo naquela época. O Brasil aderiu ao Tratado da Antártida em 1975. No início da década de 80 inaugurou a Estação Antártida Comandante Ferraz (EACF).

Para conseguir conquistar o continente gelado, a Marinha Brasileira e os engenheiros da Cofibam se uniram em torno de um mesmo objetivo; desenvolver cabos de alimentação de Energia para suprir as necessidades da então Base Antártida Brasileira Comandante Ferraz.

A grande barreira enfrentada para a efetivação deste projeto brasileiro foi imposta pelas características extremas do local da instalação, o que seria necessário elaborar estudos para que conseguíssemos vencer as condições climáticas e de transporte.

O Cabo responsável pela geração de energia seria transportado pelo Navio Oceanográfico Barão de Teffé até um determinado ponto para depois ser transferido para um helicóptero e desembarcado numa área com terreno irregular e com muitas pedras.

Como os Cabos para temperaturas entre –40 a –60 Graus Celsius necessitam de um isolante especial e esses isolantes que suportam estas temperaturas não têm características mecânicas adequadas às condições ambientais e de transporte, foi necessário desenvolver um isolante térmico especial para resistir a todas aquelas exigências. Os Cabos Cofibam estão sendo utilizados pela Base Antártida Brasileira há mais de 15 anos.

Colaboração: Gerente Técnico/Industrial Hamilton Nakashima

Copyright © 2010-2017 | COFIBAM - Todos os direitos reservados